Logo AME-SP
 
 
Ícone de Telefone

(11) 2360 8900

Ícone de E-mail
ame@ame-sp.org.br
Ícone do Facebook Ícone do Youtube Ícone do Instagram Ícone do Twitter  
 

Carta aos Governadores - COVID-19


ÀS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA SEVERA NA PANDEMIA COVID-2019

RECOMENDAÇÕES OMS – ISOLAMENTO SOCIAL – URGENTE SOBRE PCDs

Nós, brasileiros com deficiência, que necessitamos de auxílio de terceiros para higiene pessoal, alimentação e atividades da vida diária, encontramos dificuldades adicionais para o cumprimento ao necessário isolamento social – nos moldes do Conselho Federal de Medicina e segundo recomendação da OMS.

Diante da pandemia Covid-19, somos parte relevante no grupo de risco, especialmente pessoas tetraplégicas e paraplégicas, pessoas com doenças raras como com Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA)e Atrofia Muscular Espinhal (AME), entre tantas outras metabólicas e genéticas, pessoas cegas e surdocegas, com síndrome de Down, e outros grupos aqui reunidos que tem como característica a fragilidade respiratória e baixa imunidade, além de, como já mencionado, a necessidade de apoio de um cuidador, seja profissional ou familiar, ou ainda no caso das pessoas cegas e surdocegas, a necessidade do “tocar” como meio de sentir o mundo. Também temos o grupo de risco formado por pessoas que pouco acesso têm a informação, como surdos e pessoas com deficiência intelectual e autismo. Todas essas pessoas são grupo de risco.

Neste contexto, vimos solicitar ao Governo do Estado e sua articulação junto aos municípios as providências enumeradas a seguir, de extrema importância para a segurança e saúde das pessoas com deficiência.

    • Estabelecimento de uma rede virtual de teleconsulta, teleorientação e telemonitoramento;
      Justificativa:

      - estabelecimento de grupo de especialistas para aprimoramento e continuidade da política de ação da rede de atenção à pessoa com deficiência no SUS;
      - manter a continuidade dos tratamentos e efetuar diagnósticos prematuros sem a necessidade de deslocamento;
      - em caso de internação é necessário fazê-la em rede referenciada especializada em Pessoas com Deficiência.

    • Fornecimento de álcool gel, máscaras, luvas e insumos de segurança;
      Justificativa:
      os prestadores de atendimento diário para pessoas com deficiência fazem deslocamentos e pernoitam em ambientes não controlados;

    • Oferecimento de transporte segregado aos cuidadores de pessoas com deficiência;
      Justificativa:
      evitar contágio no transporte, diante da impossibilidade da assunção dos custos por parte das pessoas com deficiência, que já detêm um gasto excessivo na contratação dos cuidadores. A ideia é oferecer serviço de transporte porta-a-porta, em modelo semelhante ao serviço Atende oferecido pela Prefeitura de São Paulo (http://www.sptrans.com.br/atende).

    • Oferecimento de alternativas para entrega de insumos que já são oferecidos às pessoas com deficiência.
      Justificativa:
      são insumos já oferecidos pelo Estado, mas nesse momento há a impossibilidade de serem buscados.

    • Quando possível priorizar a testagem periódica para Covid-19;
      Justificativa:
      da mesma forma que ocorre com os profissionais da saúde nos hospitais, estender a testagem periódica dos cuidadores das pessoas com deficiência.

    • Oferecimento de ajudas técnicas;
      Justificativa:
      guinchos de transferência e outros recursos diminuem a quantidade de pessoas atuando no cuidado da Pessoa com Deficiência.

    • Estabelecimento de regras que garantam o retorno às atividades das pessoas com deficiência somente quando houver segurança sanitária.
      Justificativa:
      pessoas com deficiência, mais suscetíveis ao vírus não podem se arriscar numa primeira leva de retorno ao trabalho ou às escolas; tem destaque aqui pessoas com deficiência visual, por exemplo, que utilizam o tato como reconhecimento e comunicação com o mundo externo.

  • Disponibilização de medicamento essenciais para pessoas com Deficiências raras e autoimunes
    Justificativa:
    pessoas com baixa imunização que necessitam de medicamentos, a exemplo da Cloroquina ou Hidrocloroquina, não podem interromper o uso do medicamento. Neste momento retirado do mercado após informações precipitadas de que medicamente seria a “cura” do Coronavirus.

Certos da sua sensibilidade e atenção à urgência do pedido, subscrevemo- nos:

Marco Pellegrini
Coordenador do Grupo de Trabalho – AME – COVID-19 011 930257744
Associação Amigos Metroviarios dos Excepcionais - Ame 

http://www.ame-sp.org.br/site/

AME – Associação do Amigos Metroviários das Pessoas com Deficiência; Associação G14 de Apoio aos Pacientes com Poliomielite e Síndrome Pós Poliomielite;

CEDIPOD – Centro de Documentação e Informação do Portador de Deficiência Rui Bianchi do Nascimento;

CVI – AN – Centro de Vida Independente Aracy Nallin;

FCD – Fraternidade Cristã de Pessoas com Deficiência do Estado de São Paulo;

INCLUSIVE - Inclusão e Cidadania;

INSTITUTO MARA GABRILLI

MD – Mais Diferenças;

Movimento Down e

Grupo de apoio:

Dr. Acary Souza Bulle Oliveira – CRM 42 703

Alessandro Augusto Pellegrini – RG 18 718 502-5

Amélia Galan – CPF 264 043 758-50

Ana Maria Morales Crespo – RG 6 625 630-6

Carlos Aparício Clemente – RG 8 941 623-5

Cristina Ribeiro Palmer - RG 011506798-16

Geraldo Pereira de Santana – CPF 693 839 018-53

Izabel Maria Madeira de Loureiro Maior – CPF 427 348 357-20

José de Araújo Neto - RG 7.777.660-4

José Otávio Pompeu – RG 2 677 077-1

Lara Souto Santana - RG 32 995 545-7

Luiz Henrique da Cruz Ribeiro – RG 30 647 330-6

Márcia Pellegrini – RG 14 133 759-9

Maria Gorete Cortez – 20 162 822-3

Maria Perpétuo Socorro Novaes Souto – CPF 810 299 268-91

Maria Rosimar da Silva – CPF 003 723 428-50

Ricardo Ayello Guerra – CPF 035 116 127-99

Rodrigo Hubner Mendes –CPF 173 332 638-35

Rosangela Bermam Bieler – CPF 014 054 567-01

Teda Ferreira Pellegrini – RG 2 101 481

Wanderlei Marques da Silva – RG 24 869 564-2

Wilton Ruivo Palmer - RG 044937608-77

 
 
Please update your Flash Player to view content.

Destaques AME

Estudo Comparado da Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência

Estudo Comparado da Lei...

Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo publicou o livro...
+ saiba mais...
AME RECEBE SELO DE ÉTICA PROBARE PELO SEGUNDO ANO CONSECUTIVO

AME RECEBE SELO DE ÉTICA PROBARE...

AME RECEBE PELO SEGUNDO ANO CONSECUTIVO O SELO DE ÉTICA PROBARE (PROGRAMA BRASILEIRO DE...
+ saiba mais...
GOVERNO LANÇA CENTRAL DE LIBRAS COM TECNOLOGIA ICOM

GOVERNO LANÇA CENTRAL DE LIBRAS...

O Governo do Estado de São Paulo lançou o primeiro posto da Central de Libras, nesta...
+ saiba mais...
 
Home
Quem Somos
Associado
Vagas / Profissionais
Cadastro de Currículos
Área exclusiva para funcionários
QUIOSQUE
Serviço / Projeto
Recrutamento e Seleção
Sensibilização
Como contratar pessoas com deficiência
Serviços Terceirizados
Intérprete de Libras
 
Clínica
Nossa localização
Sede
Rua Serra de Botucatu, 1.197 - Tatuapé
CEP 03317-001 - São Paulo - SP

Clínica
Rua Dr. Miguel Viêira Ferreira, 69 - Tatuapé
CEP 03071-080 - São Paulo - SP
Redes Sociais
Acompanhe a AME:
Atendimento
Para mais informações:
(11) 2360 8900
ame@ame-sp.org.br
 
Divulgações
Divulgue a sua marca em
nosso site!

Entre em contato para
mais informações!

 
03.06.2020